Colchão que afunda, ou com buraco o que fazer?

Colchão que afunda, ou com buraco o que fazer?

Colchão que afunda é o terror do brasileiros, colchão de molas ou de espuma, uma hora seu colchão vai afundar ou ficar com buraco!

Colchão que afunda, ou com buraco o que fazer?
Colchão com buracos

Uma das perguntas mais feitas nos últimos meses no site é:

Marcelo

“Meu colchão está afundando, o que eu faço?”

Neste artigo vamos falar o termo afundar, mas ceder, fazer buracos tem a mesma conotação.

Já falamos sobre o assunto quando trocar o colchão e colchão fazendo barulhos. Algo muito complexo e polêmico no Brasil.

Você sabia que todo colchão de molas pode afundar 10% do tamanho original mesmo sem você estar deitado?

Por isso sempre verifique o que tem dentro do seu colchão.

Algumas empresas colocam isopor para dar altura no produto.

Outra colocam espuma reaproveitadas os famosos AG para que seu colchão fique “Luxuoso”

Mas também temos algumas situações comuns por exemplo, colchão velhos ou colchões com baixa densidade e que seu colchão afunde.

Nem sempre o afundamento é sobre qualidade, pode ser acomodação natural, espumas com defeito ou estrutura errada na hora da compra.

Densidade de colchão inadequada, enfim, uma serie de fatores podem fazer seu colchão afundar.

Por isso o site é enfático, não existe o melhor colchão e também não existe o pior.

Existe o colchão adequado para cada individuo, tanto na questão de conforto e na questão financeira e de durabilidade.

Saber como escolher o colchão é fundamental para que seu colchão não afunde.

FAQ de colchão que afunda

Molas ou espuma , qual colchão que afunda mais?

Colchão de molas ou espuma, ambos vão afundar com o tempo.

Para ter segurança dentro da garantia, faça as contas, todo colchão pode ceder até 10% do tamanho original quando o colchão tem acima de 30cm.

Já colchões abaixo de 30 cm podem ceder no máximo 8%, portanto quanto maior o produto maior o buraco permitido.

Esta norma é definida pela ABNT portanto fique atento se o seu colchão é alto por matérias primas de qualidade ou apenas um amontoado apenas para fugir da fiscalização.

Lembrando que esta norma é dentro da garantia contratual, após este período não existe lei.

Portanto leia e exija a garantia contratual.

Colchão de molas ensacadas afunda?

Sim, como todo e qualquer colchão afunda com o tempo.

Lembrando que a função da mola é comprimir, por isso ele vai ceder com você por cima, mas para ser defeito o calculo é sem você por cima.

Por isso somos enfáticos que não existe o melhor.

Atualmente colchões de molas Miracoil tem a maior sustentação do mercado, a mola ensacada por si só não é garantia de qualidade, apenas de individualidade.

Mas lembre-se a qualidade se faz devido a construção e não como um caso isolado.

Tem colchões de molas ensacadas que afundam mais rápido que outros modelos.

Vai depender de todos os fatores citados neste artigo, como;

  • Contagem de molas;
  • suporte de peso individual;
  • montagem;
  • Grossura da bitola;
  • Cada fábrica tem seu modelo;
  • Já comentei também sobre colchões dupla face e garantia.

Existe dezenas de situações para saber se seu colchão afunda ou não com facilidade.

Colchão de visco afunda?

Os colchões de visco elástico tendem a ceder com você em cima pois o intuito é que o colchão molde com seu peso.

O Viscoelástico é uma espuma e com elas podem ser de alta ou baixa densidade.

Quanto maior a densidade maior a probabilidade dela voltar o formato original.

Quanto menor a densidade maior a probabilidade dela não voltar ao formato original.

Por isso nunca compre apenas pelo fato de ser espuma da “NASA” na etiqueta do colchão é obrigatório o tamanho da lâmina e a densidade da espuma.

Meu colchão fez um buraco o que aconteceu?

Se o seu colchão afundou, existem vários fatores e são elas.

  • Camas desniveladas
  • Densidade errada
  • Garantia vencida
  • Suporte de peso inadequado

Camas desniveladas ou camas box quebradas fazem o colchão ceder.

Camas com estrado muito afastados ou quebradas também podem abaular o colchão.

Outra situação é colchão de espuma com densidade errada.

Verifique a densidade do colchão, e se ela se enquadra no biótipo de quem está usando o colchão.

Veja a garantia do produto.

Se o colchão estiver com a garantia vencida, talvez o colchão pode ter sido produzido com a famosa “obsolescência programada”, o colchão foi desenvolvido para durar por um certo período.

Neste caso não tem muito o que fazer pois a garantia venceu.

Colchão com suporte de peso baixo.

Quem já ouviu o termo “colchão de molas é melhor?”

Esta afirmação é pura jogada de marketing, onde existem molas boas e ruins.

O ideal é olhar o suporte de peso individual de cada colchão.

Como dito anteriormente todo colchão de molas precisa de espuma, se a qualidade de ambas forem baixas o colchão vai afundar.

Molas com baixa contagem de molas por m² e espuma de baixa qualidade fazem o colchão ceder.

O fato de ser molas ou espuma não quer dizer muita coisa, saiba o suporte máximo de cada produto.

Se seu colchão suporta 80 kilos e você pesa 90, seu colchão vai ceder.

Meu colchão é novo e afundou. O que eu faço?

Talvez seja a construção do colchão, caso não seja nenhuma das alternativas acima.

Colchão com excesso de matelasse podem ceder em questões de semanas, pois aquela espuminha gostosa com as mãos podem ter sido colocadas propositalmente para que quando você experimentasse na loja esse matelasse dar ares de conforto.

Geralmente estas malhas gostosas são feitas de fibra ou espuma de baixa densidade dando ares de conforto e com isso elas cedem com mais facilidade.

Por isso existe a lei que todo colchão possa ceder até 10% do tamanho original.

Neste caso as empresas alegam que este afundamento não compromete a qualidade do seu sono.

Eu discordo parcialmente pois quando um colchão é comprado que seja macio. Ele vai acomodar.

Mas quando é colocado propositalmente para fechamento de compra, provavelmente são colchões alto e com bases com lâminas de baixa qualidade.

Este são os colchões que eu combato aqui no site. São colchões caros e de vida útil que talvez não vá durar por anos.

Evite comprar por beleza e conforto que você só sente com a sua mão.

Quando colocado uma roupa de cama você perde aquela maciez que você experimentou na loja e aquela beleza se desfaz com seu enxoval.

Colchão novo afunda?

É difícil acontecer, o que ocorre geralmente é a acomodação natural de qualquer produto que tenha espuma, como colchões, sofás, bancos entre outros.

A maioria das empresas tem pelo menos 1 ano de garantia contra afundamento dentro da norma 15413 da ABNT.

E 3 meses garantido pela lei do consumidor.

Se o colchão vem com defeito de fábrica, o colchão será trocado.

Mas no Brasil muita gente acha que colchão com 1 ou 2 anos são novos e por isso quando um colchão cede em menos de 24 meses acham que o colchão deveria durar mais.

Eu que acompanho o mercado essa percepção que um colchão afundar em menos de 24 meses é considerado um colchão novo afundado, mas nós do site achamos equivocada esse pensamento.

Pode ser um colchão com vida útil baixa, mas longe de ser um produto novo.

Se você é daqueles que gostam de colchões de vida útil longa procure sempre pelo suporte de peso e a garantia contratual.

Leia nosso artigo sobre Garantia de colchões

Colchão com lombadas

colchão com lombada ou afundamento
Repare que existem partes mais afundadas.

O mais famoso das reclamações são aos colchões com lombada, principalmente em colchões Queen e King Size, onde uma parte no centro ou nas pontas do colchão ficam mais elevadas.

Esta situação ocorre o amaciamento das espumas nas regiões mais utilizadas deixando em evidencia o colchão com buraco!

Este tipo de situação geralmente o erro é do vendedor que não conduz o cliente a utilizar o colchão de forma correta.

Pois em uma negociação palavras como ceder, afundar fica totalmente fora.

E na minha opinião é um grande erro pois evitar que o colchão afunde faz com que o cliente fique satisfeito por longos anos.

Fazer o rodizio é fundamental , virar e girar e utilizar o colchão no centro nos primeiros meses fazem a acomodação de forma uniforme evitando as famosas lombadas ou dois buracos no colchão.

Leia mais: Colchões King Size

Colchão com buraco a polêmica.

Caro leitor, se seu colchão afundou mas você tem ele a mais de 5, 10 ou 15 anos.

Não é pelos fatores citados acima que o colchão afundou, talvez seja por que seu colchão já esta fadigado ou com as espumas esfarelando.

Se o fabricante diz para você trocar a cada tantos anos, troque pois trocar quando você está com apenas com problemas de saúde pode ser tarde demais.

Muitos leitores querem que os colchões durem décadas, mas se não tiver dentro da garantia e se o colchão é muito alto e o buraco é maior que 3 cm, troque pois algumas enfermidades podem virar crônicas e de difícil tratamento.

Colchão é fundamental para seu sono e aqui queremos que você durma bem! Não negligencie sua saúde por causa do colchão.

Cuidados na hora da compra e evitar o colchão ceder.

Colchão que afunda tem várias nuances, e cabe você leitor entender a dinâmica do mercado.

Modelos de colchões altos propositadamente para vender mais caro e fugir da ABNT 15413.

Colchões de baixa qualidade nas espumas e baixa contagem de molas ensacadas por m² também podem afetar

Produtos sem selo do INMETRO

Garantia contratual baixa.

Leia a etiqueta para saber o que tem dentro do colchão.

Veja qual o suporte de peso individual do colchão.

Para colchões de espuma verifique a densidade nominal.

Veja quando foi comprado o colchão, colchões velhos tendem a afundar.

Gostaram deixe seu comentário!!

Você vai gostar também:

Array
Sobre Marcelo

MarceloMarcelo Katayama fundador do site.
Atualmente é o maior blogueiro imparcial de colchões do Brasil, com mais de 30 mil visitantes únicos por Mês (SEMRUSH E Google Analytics). Fazendo Reviews e dando dicas de como escolher colchão!
Atua como consultor de marketing digital para pequenas empresas de forma autônoma e atua com marketing de afiliados.

Trabalhou 14 anos no mercado de colchões como vendedor, gerente comercial de lojas e analista de marketing.
Atuei também em agências como FBS Mídia, Grupo RBS e Grupo Vega como executivo de contas e foi Gerente de Relações Públicas no Grupo Colombiano JOM.

Formado em análise de sistemas pela FATEC-SP com especialização em Google Ads Expert Search pela Goobec Brasil e Copywriter pela Você Ligado

13 thoughts on “Colchão que afunda, ou com buraco o que fazer?

  1. Ola estou fazendo uma compra do colchão Ortobom Orthopur e queria saber o que você acha desse colchão?

  2. Olá! Quero saber qual colchão devo comprar.
    Ortophur ou Liberty?
    Cama Super king.
    Obrigada

    1. Olá Monica tudo bem? Essa sua dúvida é bem pessoal, pois são confortos diferentes!
      O Orthopur é macio e o liberty um intermediário firme.
      Sugiro que vá até uma loja experimentar e ver qual lhe agrada mais em termos de conforto, pois a nossa maior dica é comprar pelo conforto que mais lhe agrada.
      A dica que eu dou é para colchões King usar o centro do colchões nos primeiros meses para evitar as famosas lombadas
      explico isso no artigo https://www.dicasdecolchoes.com.br/colchao-king-size-medidas-tamanho/
      Espero ter ajudado.

  3. Amigo, achei bem interessante sua matéria mas, vc fala pra prestar atenção na composição, tipo de material porém não diz qual é o ideal ou o que consta na Abnt pra termos ciência do que pode ou não. Se pudesse complementar seu texto ou inserir link de onde pode encontrar tais informações seria legal. Não adianta nada eu ler a etiqueta do meu colchão se eu não sei se está certo ou não o que consta lá.

  4. Caro Marcelo, sensacional seu blog, li com mta atenção e vejo realmente que seu conhecimento é bastante elevado a cerca deste que nos acompanha por 1/3 das nossas vidas. Venho a mais de ano sofrendo com noites mal dormidas…e minha história é bem longa, mas vou encurtar. Nos últimos 3 meses comprei 2 colchões de caixa, devolvi os dois, e depois comprei um de molas fio contínuo pq já tive uma experiencia com molas individuais que afundava meu corpo, então pensei que esse tinha melhor sustentação…em resumo…depois de 2 semanas, voltei a sentir as mesmas sensações de formigamento, pressão no quadril, causando extremo desconforto e por esta razão, não me lembro mais de ter tido uma noite de sono reparadora como deveria de ser. Sou magro, tenho 72kg, 1,79m, portanto, não se trata do meu peso tbm.
    Tomei uma decisão de comprar uma espuma numa FÁBRICA e ir montando as camadas conforme vou usando. Tenho uma dúvida, como saber qual tipo de espuma tem melhor qualidade q outra, poderia me ajudar? um abraço e grato por este material.

    1. Olá Eduardo tudo bem? Obrigado pelo comentário
      Não entendi muito sua experiência, mas acredito que comprar espumas de uma fábrica não será uma boa experiência também, te enviei um email.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*